Melo e Kubot vencem por wo e estão na semifinal de Sidney

Dupla volta a jogar na madrugada desta quinta-feira (Foto: Gerry Weber Open_Ket)
O mineiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot , cabeças de chave 1, buscam na madrugada desta quinta-feira (11) a vaga na final do ATP 250 de Sidney, na Austrália. A partir das 2h (horário de Brasília), a dupla número 1 do mundo joga pelas semifinais do torneio contra o indiano Rohan Bopanna e o francês Edouard Roger-Vasselin – cabeças 4.

Em partida pelas quartas de final, nesta quarta-feira (10), Melo e Kubot venceram por wo a parceria Damir Dzumhur, da Bósnia, e Roman Jebavy, da República Tcheca. Dzumhur saiu machucado no segundo set do jogo de simples, diante do australiano Alex de Minaur, quando perdia por 3 games a 0 e, ao lado de Jebavy, teve de desistir das duplas. Bopanna e Roger-Vasselin derrotaram o francês Fabrice Martin e o norte-americano Nicholas Monroe por 2 sets a 0, parciais de 7/6(7-5) e 7/6 (7-5).

Melo e Kubot buscam vaga na semifinal nesta quarta-feira na Austrália

Melo e Kubot estão em primeiro no ranking mundial (Foto: Peter Staples / Getty Images)
Marcelo Melo e Lukasz Kubot disputam nesta quarta-feira (10) a sua segunda partida no ATP 250 de Sidney, na Austrália. Por volta das 6h (horário de Brasília), a dupla – cabeça de chave número 1 – enfrenta Damir Dzumhur, da Bósnia, e Roman Jebavy, da República Checa, no quarto jogo da programação da Quadra 3, válido pelas quartas de final.

Melo e Kubot encerraram 2017 como a melhor parceria do mundo e dividem a primeira colocação do ranking mundial individual de duplas. Eles disputam o torneio em Sidney como preparação para o Australian Open, o primeiro Grand Slam do ano, que começa na próxima segunda-feira (15), em Melbourne.

“Jogamos bem nossa partida de estreia, aqui em Sidney, e agora teremos mais um jogo duro. Importante é seguir mantendo o ritmo”, afirma Marcelo, que tem o patrocínio de Centauro, BMG e Itambé, com apoio da Confederação Brasileira de Tênis. Na primeira rodada, Melo e Kubot derrotaram o romeno Florin Mergea e o sérvio Nenad Zimonjic.