Melo e Kubot estreiam nesta terça-feira no ATP 500 de Roterdã

Dupla disputa primeiro ATP 500 da temporada na Holanda (Foto: Peter Staples / Getty Images)
A estreia do mineiro Marcelo Melo em torneios ATP na temporada 2019 será nesta terça-feira (12), na Holanda. Ao lado do polonês Lukasz Kubot, os cabeças de chave número 2 disputam a primeira rodada do ATP 500 de Roterdã, realizado em quadras rápidas e cobertas na Ahoy Arena, às 13h (horário de Brasília). Os adversários são o norte-americano Rajeev Ram e o britânico Joe Salisbury.

Será o primeiro jogo de Marcelo no circuito, este ano, após se recuperar de uma lesão muscular nas costas, que o afastou do ATP 250 de Sidney e do Australian Open, primeiro Grand Slam de 2019, ambos disputados na Austrália, em janeiro.

No início deste mês, Marcelo integrou a equipe brasileira no confronto diante da Bélgica em Uberlândia (MG), seu retorno às quadras nesta temporada. No final da semana passada, seguiu para a Holanda, para a disputa da 46ª edição do tradicional torneio de Roterdã, primeiro ATP 500 do calendário. Em 2018, Melo e Kubot chegaram até as quartas de final.

“Eu fico muito feliz em voltar aos torneios e, agora, é focar nesta estreia na Holanda”, afirma Marcelo, patrocinado por Centauro, BMG e Itambé, com o apoio da Volvo e Confederação Brasileira de Tênis.

Depois de Roterdã, Marcelo estará no Brasil para a disputa do Rio Open, ATP 500 que será disputado a partir do dia 18 deste mês, nas quadras de saibro do Jockey Club Brasileiro, no Rio de Janeiro, em que formará dupla com o também mineiro Bruno Soares, seu parceiro na Davis. Na sequência, no dia 25, segue para o México, para o terceiro ATP 500 do ano, em Acapulco, novamente com Kubot. Marcelo é o atual número 12 do ranking mundial de duplas da ATP e, Kubot, o nono.

Marcelo Melo joga o Rio Open 2019 com Bruno Soares

Dupla chegou à semifinal na edição 2016 do torneio (Foto: João Pires / Fotojump)
O Rio Open, ATP 500 que será disputado a partir do dia 18 deste mês, nas quadras de saibro do Jockey Club Brasileiro, no Rio de Janeiro, já tinha confirmadas as presenças dos mineiros Marcelo Melo e Bruno Soares como destaques da chave de duplas. Agora, mais do que a participação garantida, eles estarão jogando juntos. Será a segunda vez que Melo e Soares se unem para a disputa – a primeira foi em 2016, chegando às semifinais. Representantes do Brasil na Copa Davis, formarão a dupla apenas para entrar em quadra nesse torneio. Ao longo da temporada, Marcelo segue com seu parceiro, o polonês Lukasz Kubot.

“Será mais um momento especial para mim, o de jogar o Rio Open com o Bruno. Tenho certeza que os torcedores ficarão felizes em poder nos ver juntos mais uma vez”, afirma Marcelo, patrocinado por Centauro, BMG e Itambé, com o apoio da Volvo e Confederação Brasileira de Tênis. Seu principal resultado até agora no Rio foi o vice-campeonato, conquistado em 2014, com o espanhol David Marrero. Em 2015, formou dupla com o austríaco Julian Knowle, parando na estreia. Em 2017 e 2018, esteve no ATP 500 com Kubot – duas quartas de final.

No circuito, Melo e Soares formaram dupla por dois anos, ao longo das temporadas de 2010 e 2011 e, depois, em alguns torneios específicos. Conquistaram quatro títulos na ATP. Em 2016, jogaram juntos três vezes no Brasil: nos Jogos Olímpicos do Rio (quartas de final), no Brasil Open (quartas de final) e no Rio Open (semifinal). Estiveram ainda no ATP 500 de Washington (primeira rodada) e no ATP 250 de Stockholm (Suécia, semifinal), a última participação em um torneio ATP até a confirmação, agora, do retorno no Rio Open 2019 e já pensando em uma possível parceria para Tóquio 2020.

Melo e Soares são, também, a dupla do Brasil na Davis desde 2010, com um retrospecto muito positivo – só não jogaram no ano passado, quando Bruno não integrou a equipe e foi substituído pelo gaúcho Marcelo Demoliner. No sábado (2), mais uma vez representaram o País, no confronto diante da Bélgica, em Uberlândia (MG). Os belgas Sander Gille e Joran Vliegen surpreenderam e venceram.

Roterdã com Kubot – Antes do Rio Open, Marcelo estará com Kubot em Roterdã, na Holanda, para o seu primeiro torneio ATP da temporada 2019, a partir da próxima semana. Marcelo é o atual número 12 do ranking mundial de duplas e, Kubot, o nono. Na sequência, o Rio e, depois, no dia 25, o terceiro ATP 500 do ano, em Acapulco, no México, novamente com o parceiro polonês.