Marcelo Melo se recupera de lesão nas costas e não disputa o Australian Open

Em 2018, Melo e Kubot chegaram às quartas de final em Melbourne (Foto: Divulgação)
A temporada 2019 do mineiro Marcelo Melo terá início em Uberlândia (MG), integrando a equipe do Brasil na Copa Davis. Marcelo está se recuperando de uma lesão nas costas, que impediu a sua preparação para o Australian Open, primeiro Grand Slam do ano, neste mês de janeiro. Assim, a volta às quadras, após as disputas de 2018, será nos dias 1 e 2 de fevereiro, diante da Bélgica, quando o Brasil estará em busca de uma vaga no Grupo Mundial. Os jogos serão no saibro, no ginásio Sabiazinho. Aproveitando o tempo parado, Marcelo também retirou um cisto por causa de uma infecção que teve no ano passado, em Acapulco, no México.

“Infelizmente, não me recuperei a tempo para disputar o Australian Open. Mas já voltei aos treinos na preparação para a Copa Davis”, explicou Marcelo, patrocinado por Centauro, BMG e Itambé, com o apoio da Volvo e Confederação Brasileira de Tênis.

No ano passado, Marcelo – ao lado do parceiro polonês Lukasz Kubot – começou a temporada na Austrália com o título do ATP 250 de Sidney, disputando na sequência o Australian Open, em Melbourne, chegando às quartas de final.

Agora, em 2019, além da Davis, em Uberlândia, Marcelo estará também no Rio de Janeiro, para o Rio Open, entre os dias 18 e 24 de fevereiro, nas quadras de saibro do Jockey Club Brasileiro. Será sua sexta participação no torneio, que disputa desde a primeira edição, em 2014.

Marcelo Melo confirma presença no Rio Open 2019

Marcelo na edição 2018 do torneio (Foto: João Pires / Fotojump)
O mineiro Marcelo Melo disputará pela sexta vez o Rio Open, torneio ATP 500 que, em 2019, será realizado entre os dias 18 e 24 de fevereiro, nas quadras de saibro do Jockey Club Brasileiro, no Rio de Janeiro (RJ). Marcelo joga o Rio Open desde a primeira edição, em 2014. Em 2017 e 2018, teve ao lado o seu parceiro, o polonês Lukasz Kubot – que ainda confirmará se estará no Brasil no próximo ano. Juntos chegaram duas vezes à quartas de final.

Marcelo buscará seu primeiro título no Rio Open nesta edição 2019. O principal resultado até agora foi o vice-campeonato, conquistado em 2014, jogando com o espanhol David Marrero. Em 2015, formou dupla com o austríaco Julian Knowle, parando na estreia. Em 2016, foi às semifinais com o também mineiro Bruno Soares.

“O Rio Open é um torneio muito especial, aqui no Brasil, e eu fico muito feliz em estar no Rio mais uma vez, em jogar na frente da torcida, que sempre está nos apoiando”, afirma Marcelo, patrocinado por Centauro, BMG e Itambé, com o apoio da Volvo e Confederação Brasileira de Tênis.

Antes de ir para o Rio, Marcelo estará em Uberlândia (MG), integrando a equipe do Brasil que enfrentará a Bélgica, na Copa Davis, em busca de vaga no Grupo Mundial. Os jogos também serão no saibro, no ginásio Sabiazinho, nos dias 1 e 2 de fevereiro.

“Muito feliz em mais uma vez ser convocado para fazer parte da equipe. Todos sabem a importância que dou para a Copa Davis, um orgulho enorme em defender o Brasil”, garante.

Melo e Kubot estão jogando juntos desde o início da temporada 2017 e já confirmaram a continuidade da dupla em 2019. Na temporada 2018, conquistaram quatro títulos: ATP 250 de Sidney, na Austrália; ATP 500 de Halle, na Alemanha; ATP 500 de Beijing e Masters 1000 de Xangai, ambos na China. Nos Grand Slam, foram vice-campeões no US Open, em Nova Iorque (EUA).