Marcelo Melo joga em Roland Garros com Maximo Gonzalez. Antes, Lyon.

Melo, animado com a parceria com Gonzalez na França (Foto Thiago Ribeiro – @agothi21)
O mineiro Marcelo Melo terá como parceiro o argentino Maximo Gonzalez nos dois últimos torneios da temporada europeia no saibro. Melo e Gonzalez jogarão juntos em Roland Garros, Grand Slam que começa no próximo dia 22, em Paris. E antes de seguir para a capital francesa, parceria estará em Lyon, no ATP 250 que tem início neste domingo (15).

“Vai ser muito bom estar com o Gonzalez nestes dois torneios. Ele joga muito bem no saibro e está empolgado com a nossa parceria”, afirma Marcelo, que tem o patrocínio de Centauro e BMG, com apoio da Volvo, Head, Voss, Asics e Confederação Brasileira de Tênis.

A estreia de Melo e Gonzalez, cabeças de chave número 2 em Lyon, será diante do monegasco Hugo Nys e do polonês Jan Zielinski, em data a ser definida. O torneio é preparatório para o Grand Slam, em que Marcelo foi campeão em 2015 com o croata Ivan Dodig.

No ranking mundial individual de duplas divulgado da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), Melo está em 43º lugar, com 1.988 pontos. Gonzalez é o número 29 do mundo, com 2.698 pontos.

Melo e Karatsev param na estreia no Masters 1000 de Roma, na Itália

Marcelo jogou pela 11ª vez em Roma (Foto Divulgação)
Em mais um jogo decidido no match tie-break, o mineiro Marcelo Melo parou na estreia no Masters 1000 de Roma, formando parceria com o russo Aslan Karatsev na Itália. Nesta terça-feira (10), os italianos Simone Bolelli e Fabio Fognini, dupla da casa que contou com o apoio da torcida no Foro Italico, marcaram 2 sets a 1, com parciais de 6/2, 4/6 e 10-1, em 1h20min. O torneio dá sequência à temporada europeia no saibro, que segue até Roland Garros, Grand Slam que será disputado em Paris, na França, a partir do dia 22.

No primeiro set, os italianos, após salvarem quatro break points no game inicial, conseguiram a quebra em seguida, fazendo 2/0 e, mantendo a vantagem, chegaram a 5/2. Com mais um break, no oitavo game, fecharam em 6/2. A reação de Melo e Karatsev veio no segundo set. Quebraram primeiro, marcando 2/1, e viram os adversários devolverem o break na sequência, deixando tudo igual, 2/2. Mas, com nova quebra passaram à frente, 4/3, e venceram por 6/4. A definição do jogo foi para o match tie-break – assim como na semana passada, no Masters 1000 de Madri, na Espanha. E aí os italianos dominaram, ganhando por 10-1 para seguir no torneio em Roma.

Foi a 11ª participação de Melo – que tem o patrocínio de Centauro e BMG, com apoio da Volvo, Head, Voss, Asics e Confederação Brasileira de Tênis – em Roma. No ranking mundial individual de duplas divulgado na segunda-feira (9) pela Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), Melo está em 43º lugar, com 1.988 pontos.